Meryl Streep financia iniciativa de mulheres roteiristas com mais de 40

Conhecida por seu discurso a favor da equidade de gêneros em Hollywood, Meryl Streep agora está investindo na causa. A atriz é financiadora do Writers Lab, grupo de oito mulheres roteiristas com mais de 40 anos criado pelo New York Women in Film and Television, instituição que pede maior participação feminina em TV e cinema, e baseado na cidade de Nova York. A iniciativa foi anunciada neste fim de semana, no Festival de Tribeca.

O projeto surgiu em resposta a um estudo, feito no ano passado, que mostrou que o número de mulheres roteiristas está em queda nos Estados Unidos — elas eram 17% em 2009 e passaram a representar apenas 15% do total de escritores do cinema em 2014. A pesquisa ainda indicou que mulheres recebem menos do que homens.

O grupo é liderado por Gina Prince-Bythewood, roteirista e diretora writer-director do cult romântico Além das Luzes (2014), Caroline Kaplan, produtora de Boyhood (2014), e Kirsten Smith, roteirista de Legalmente Loira (2001). A missão delas será selecionar e desenvolver roteiros.

No Oscar deste ano, Meryl Streep foi quem aplaudiu de maneira mais entusiástica o discurso de Patricia Arquette – ela até virou meme por isso. A vencedora do Oscar de atriz coadjuvante por Boyhood usou seu tempo de agradecimento para denunciar o machismo em Hollywood.

 

Compartilhar

Comentários